Poesias, Canções

O Laço e o Abraço

0 Comentários 17 julho 2017

Por Mário Quintana

Eu nunca tinha reparado como é curioso um laço…
Uma fita dando voltas.
Enrosca-se, mas não se embola, vira, revira, circula e
pronto: está dado o laço.
É assim que é o abraço: coração com coração, tudo
cercado de braço.
E quando puxo uma ponta, o que é que acontece?
Vai escorregando…
Devagarzinho, desmancha, desfaz o abraço.
E saem as duas partes, iguais meus pedaços de fita, sem
perder nenhum pedaço.
Então o amor e a amizade são isso…
Não prendem, não escravizam, não apertam, não sufocam.
Porque quando vira nó, já deixou de ser um laço!

 

Deixe sua opinião

Poste um comentário

Samaúma Online

Portal


Entre no PORTAL MAÇÔNICO. - Restrito. - Utilize-se da Senha de nove letras minúsculas em que se devem considerar termos no plural.


Mozart – Gran Missa en do m.-10. Et Incarnatus est (Bernstein)


O G20 só fortaleceu Donald Trump.


Basílica de São Pedro


Cenário Brasil e os mercados financeiros aqui e no mundo

Explica ou te devoro
fotos através de paredes
O contrário do Amor é o Poder

Cubana defende Trump e o Agradece


o manual do IDIOTA útil

 

Thatcher sobre Sindicatos e Ocupações
Diego Amorim entrevista o presidente do IBGE
Vaidade das vaidades tudo é vaidade?│Monja Coen

© 2017 Samaúma. DESENVOLVIDO POR IDEIAS WEB COM WordPress.